Bagagem extraviada em voos nacionais: o que fazer?

Neste artigo você pode conferir como funcionam os trâmites quando o passageiro tem a bagagem extraviada em um voo nacional; saiba o que fazer e quais são os órgãos que você pode recorrer para garantir seus direitos

Se você já viajou alguma vez na vida, ou conhece alguém que viajou deve saber como o extravio de bagagens é algo mais do que comum de se acontecer durante uma viagem, mas você sabe o que fazer quando isso acontece? Como você deve prosseguir para resolver essa situação? A seguir separamos para você algumas dicas do que fazer e como lidar com estes acontecimentos.

Bagagem extraviada em voos nacionais: o que fazer?


A quem recorrer quando a sua bagagem é extraviada?

Quando se tem a sua bagagem extraviada, é possível recorrer a alguns órgãos para que estes fiquem cientes da sua situação e possa tomar todas as providências possíveis para que o problema seja resolvido o mais rápido possível.

A primeira opção é ir até o balcão do atendimento da sua companhia aérea e fazer um registro de irregularidade de bagagem (RIB), também é necessário fazer um registro junto à Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC). Este pode ser realizado dentro do posto da ANAC dentro do próprio aeroporto ou mesmo fora dele, mas fique atento pois o prazo é de 15 dias após o desembarque.

Lembre-se de levar o comprovante de despacho das suas bagagens, se em algum momento você sentiu alguma dificuldade em realizar o RIB, você também pode acabar indo a polícia e realizando um boletim de ocorrência.


Qual o prazo para reclamar do extravio da bagagem?

O prazo é de no máximo 15 dias após a realização do desembarque. Se preferir, você pode tentar resolver o problema dentro do próprio aeroporto.


Quais são os meus direitos quando minha bagagem é extraviada?

Existem alguns direitos quando o assunto é bagagem extraviada e você pode conferi-los a seguir:

  • Compensação financeira, para os voos nacionais esse valor gira em torno de R$305,00, para despesas emergenciais.
  • As despesas durante o tempo em que você ficar sem bagagem deve ser custeadas, independentemente do valor.
  • Bagagens que não são entregues em até 7 dias (voos nacionais) tem direito a uma indenização ainda maior, girando em torno de R$3.450,00.

Qual o valor da indenização?

O valor da indenização infelizmente não varia, independente do que havia dentro da bagagem ou do tipo de viagem feita, não se muda o valor. O valor máximo para o ressarcimento é de R$3.450,00. Mas como nem sempre esse valor pode agradar a todos,é comum que se entre com um processo para haver uma indenização realmente agradável.


Qual a prazo para o pagamento da indenização?

Antigamente era comum que o prazo girasse em torno de 30 dias, porém o tempo era muito grande o que prejudicava o cliente que precisava da indenização urgentemente para reaver todos os bens extraviados.

A ANAC acabou revendo este prazo e o reduziu para apenas 7 dias a partir do momento que você entrou com o comunicado no RIB de que a sua bagagem foi extraviada. Para os custos mais emergenciais e companhia é obrigada a liberar os fundos imediatamente.


Quais as principais causa de extravio e perda de bagagem?

Conexões

No momento de realizar uma troca, de uma aeronave a outra. Esta é a principal causa de perda de bagagens, isso porque por muitas vezes para não atrasar um voo, elas acabam deixando até mesmo as bagagens para trás.

Falha

A terceirização dos serviços também é um grande problema, que leva a uma falha entre o check-in do passageiro e o momento de colocar todas as bagagens no avião.

Falta de Identificação

Às vezes as etiquetas de identificação acabam se soltando se suas bagagens, fazendo com que a mala fique sem identificação, sendo impossível de realizar o transporte dela e a devida devolução.

Furto

Durante o processo de transporte, próprios funcionários do aeroporto podem acabar furtando as bagagens.

Engano

É comum que outro passageiro acabe pegando a sua mala por engano, fazendo com que ela acaba sendo extraviada.

Bagagem extraviada em voos nacionais: o que fazer?


Como evitar o extravio de bagagens?

Não faça check-in perto do horário do voo

Se a companhia aérea diz que é bom chegar com cerca de 2h 30 min de antecedência, chegue exatamente este horário ou mesmo antes e então faça o despacho de sua bagagem.

Fazer check-in perto do horário do seu voo, aumenta as chances de que você acabe perdendo sua bagagem.

Identifique sua mala

A identificação da mala facilita no momento de retirar a mala certa da esteira, procure colocar uma tag ou mesmo fitas coloridas, adesivos, qualquer coisa que venha a facilitar a retirada da sua mala, tornando-a única.

Nada de etiquetas antigas

Procure tirar todas as etiquetas de voos anteriores, isso pode acabar causando confusão as pessoas que colocam a sua mala dentro da aeronave e também no momento de retirá-la.

Use cadeados

Sempre use cadeados, isso porque nem sempre a sua mala é extraviada por completo, elas podem ser abertas e retirado somente os itens valiosos. Se a viagem for para os Estados Unidos é aconselhável o uso de um cadeado do tipo TSA.


Como funciona o seguro da bagagem

O seguros de viagem também funcionam para cobrir o extravio de bagagem, mas fique atento por o valor da indenização está relacionado com o valor do pacote contratado, mas fique ligado pois existem dois tipos de seguros.

Complementar

Esse seguro cobre parte do custo da indenização, se a sua indenização seria de R$500,00 e a companhia aérea paga apenas R$200,00 o seu seguro irá cobrir os outros R$300,00.

Suplementar

No primeiro caso é pago cerca de 40,00 dólares para cada quilo de bagagem extraviada. Já no segundo caso, a segurada paga o mesmo valor que a companhia aérea.

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *