Praia do Forte: tudo o que você precisa saber antes de visitar

O mar da Bahia é um dos mais famosos do mundo e não é a toa que já foi transformado em música, poesia e tem sua beleza comentada nos quatro cantos do mundo.

O estado da Bahia é dono do maior litoral do Brasil. Sua costa possuí mais de 1000km de extensão e conta com várias praias paradisíacas e lindas. São várias joias escondidas e inúmeras reservas preservadas ainda não descobertas pelo homem.

Por esses motivos a Praia do Forte atrai milhares de turistas durante todo o ano. A praia costuma ficar lotada aos finais de semanas e feriados. A Praia do Forte lida com a concorrência acirrada de outras praias paradisíacas como: Boipeba, Morro de São Paulo, Porto Seguro, Caraíva, Costa do Sauípe e Trancoso.

Porém a Praia do Forte ainda consegue ser destaque dentre todas essas praias que citei, justamente por estar bem perto da capital baiana e ser uma das poucas praias localizadas no sul do estado, visto que a maioria das outras praias está localizada mais ao sul. Então se você está pensando em conhecer a Praia do Forte confira abaixo tudo o que você precisa saber antes de arrumar as malas e conhecer uma das praias mais bonitas do Brasil no próximo feriadão ou nas suas férias. Dá uma espiada:

Praia do Forte Onde Fica

Uma das praias mais procuradas do litoral baiano é a Praia do Forte. A Praia do Forte está localizada na Grande Salvador, especificamente no município de Mata de São João. A distância entre a Praia do Forte e a Grande Salvador é de mais ou menos 80km, ou mais ou menos 1 hora e meia de carro. Confira abaixo o Mapa da Praia do Forte:

Como chegar na Praia do Forte

O aeroporto mais próximo da Praia do Forte é o Aeroporto Internacional Deputado Luís Eduardo Magalhães, localizado em Salvador. Ao desembarcar no aeroporto você deverá pegar a Estrada do Coco. A estrada te levará até o município de Mata de São João. Você tem duas boas alternativas para chegar até a Praia do Forte: de carro ou de ônibus. A estrada é bem conservada e não oferece maiores perigos.

Outra boa alternativa é chegar a Praia do Forte por Aracaju, em Sergipe. A distância entre Aracaju e a Praia do Forte é de mais ou menos 200km e o percurso é feito em 3 horas de carro.

Praia do Forte: quando ir?

Você deve evitar a Praia do Forte nos períodos entre maio e julho – esse é o período de mais chuva na região. No restante dos meses você pode visitar a praia na maior tranquilidade, afinal o tempo estará agradável e quente. Se a sua escolha for por visitar o local em alta temporada minha sugestão é que prepare o bolso, com mais gente visitando a praia os preços ficam bem mais salgados.

Praia do Forte Tivoli

O Tivoli Ecoresort Praia do Forte Bahia é um dos hotéis mais procurados da região. É perfeito para quem quer curtir as férias no melhor do ecoturismo brasileiro. Além disso disponibiliza a seus hóspedes muito conforto e tudo mais que um resort de luxo pode oferecer.

A arquitetura do hotel está em sintonia com toda beleza natural e mais de 30.000 hectares de uma floresta tropical, divididos em 12 km de praias de areia cor de ouro. Também conta com atendimento de SPA em um espaço de primeiro mundo, ideal para quem deseja relaxar e voltar revitalizado das férias ou da folga de fim de semana.

Dentro do Tivoli Praia do Forte você também contará com um espaço criado exclusivamente para bebês, crianças e adolescentes. E se a sua intenção é curtir um momento a dois, o Tivoli Ecoresort Praia do Forte é ideal para casais que querem quebrar a rotina.

Ao ficar hospedado no Tivoli você fará uma viagem deliciosa pela melhor gastronomia da Bahia através de restaurantes diferenciados e bares temáticos que o hotel oferece.

As diárias no Tivoli Ecoresort custam a partir de R$1.105,00 na suítes mais simples podendo chegar a R$6.500,00 nas suítes mais caras.

Praia do Forte Pousadas

Agora se o seu estilo de viagem é mais, digamos mais low cost, existem outras opções de hospedagem em Pousadas na Praia do Forte que podem te atender. Estão localizadas na praia uma série de pousadas que custam muito menos do que os hotéis de luxo e resorts da região.

E é possível encontrar pousadas para todos os bolsos. Algumas pousadas oferecem diárias que custa em média R$295,00 por noite. Mas você encontrará algumas pousadas na praia do Forte com valores superiores.

Os preços vão depender muito da época que você pretende visitar o local. Na alta temporada, entre dezembro e o carnaval, os preços são um pouco mais salgados. A partir do meio de março você já encontrará melhores valores para visitar a região. Uma boa pesquisa em sites especializados podem te ajudar a encontrar os melhores preços para as datas da sua viagem.

Praia do Forte Salvador: O que fazer?

Muitas pessoas pensam que não há muito o que fazer na Praia do Forte, porém estão enganadas. Mesmo que o município que abriga a praia seja pequeno e tenha menos de 60 mil moradores, o turismo é a principal fonte de renda da região.

Na região você pode encontrar várias opções de turismo ecológico, passeios e aventuras inesquecíveis que tornarão suas férias maravilhosas. Acredite, você não vai se arrepender. Confira:

As praias

Apesar das pessoas acharem que vão visitar apenas uma praia, não é isso que acontece. O turista que estiver na Praia do Forte pode visitar mais seis praias que estão localizadas em 14 km de costa litorânea. A vegetação predominante no local é a de coqueirais, o que faz com que a costa leve o nome de Costa dos Coqueiros.

Mesmo em uma vila pequena a estrutura é ótima e você encontrará diversas opções de hospedagem. Elas podem variar muito de acordo com o seu bolso, você encontrará desde pequenos albergues e pousadas até resorts incríveis com all inclusive.

A Praia do Porto está localizada na região mais central, em frente à Igreja de São Francisco de Assis e à vila principal. A visão de quem chega é quase sempre a mesma: barcos atracados pertencentes aos pescadores locais – essa praia também é conhecida como Praia do Forte.

A praia é calma e proporciona aos seus visitantes um local ideal para quem gosta de banhos tranquilos e águas calmas. As crianças podem curtir o mar se maiores perigos. Isso faz com que muitas famílias frequentem o local.

O cuidado fica por conta das pedras que ficam localizadas próximo a areia, então é preciso ter muita atenção quando for mergulhar com a maré alta. Não faltam barracas de comida para quem quiser experimentar a culinária baiana.

A Praia do Papa Gente está colada a Praia do Porto e é uma das mais procuradas da região por oferecer aos visitantes águas claras, belos recifes e piscinas naturais. As águas da Praia do Papa Gente chamativas pois oferecem aos amantes de mergulho possibilidades de avistar a linda fauna marinha do litoral norte. O acesso a praia é bem fácil também.

Mais ao norte você encontrará a Praia do Lord, muito conhecida por oferecer aos turistas a possibilidade de comer e beber dentro da água no período de maré mais baixa. Os visitantes costumam sentar-se dentro das piscinas naturais para aproveitar a vista e beber uma cerveja gelada. O mar é calmo e as águas são cristalinas. Ao visitar a Praia do Lord aproveite a estrutura de bares e seja servido pelos garçons dentro das piscinas naturais.

As cidades de Itacimirim e Guarajuba também oferecem aos turistas ótimas praias. Além disso, o acesso é rápido e você pode aproveitar para esticar a viagem e conhecer mais praias lindas. É possível caminhar pela areia até esses locais e conhecer ainda mais do litoral norte da Bahia.

Praia do Forte Salvador Projeto Tamar

E é claro que nem só de sol vive o turista que resolve visitar a Praia do Forte e o município de Mata de São João. O ecoturismo também é mais um grande atrativo do local. A região abriga uma das sedes do Projeto Tamar – que foi criado para proteger e preservar a vida das tartarugas-marinhas que chegam na região para fazer a desova, entre os meses de março e setembro, todos os anos.

O projeto tem a missão de pesquisar, proteger e realizar a divulgação das espécies de tartarugas que estão ameaçadas de extinção. O Centro de Visitantes do Projeto Tamar está localizado próximo ao Farol Garcia D’Ávila, e conta aos visitantes como tudo funciona. Além disso você encontrará lembrancinhas e mimos para dar de presente aos amigos e família.

Outro projeto que atrai muitos turistas e também tem relação com o ecoturismo é o Instituto Baleia Jubarte. O instituto busca estudar as baleias e o seu comportamento. Além dos estudos promove também a observação dos mamíferos que chegam no litoral entre os meses de julho e outubro.

Ainda é possível observar um esqueleto completo do animal, assistir palestras e observar miniaturas no Instituto.

Ao sul você pode encontrar uma sede da Reserva Ecológica da Sapiranga, super indicado para turistas que curtem trilhas e passeios de bike, cavalo e quadriciclo em meio a natureza. É possível contemplar toda a vegetação nativa que encontra-se preservada em meio a mais de 600 hectares de floresta. O passeio é super indicado para pessoas que querem fugir um pouco da praia.

Se você curte algo mais tranquilo e sem barulho uma ótima opção é fazer um passeio de canoa na Lagoa Timeantube. O tour de canoa dura cerca de duas horas e é ótimo para quem gosta de observar os pássaros da região. O passeio fica ainda mais bonito com o nascer ou no pôr do sol, nessas horas do dia é possível garantir fotos inesquecíveis enquanto se rema ao som do canto dos pássaros.

O Castelo e a Vila

Esse é um dos pontos altos quando o assunto são os pontos turísticos de Mata de São João. A Casa da Torre de Garcia D’Ávila é um dos pontos mais procurados pelos turistas e visitantes. O ponto turístico é considerado o único castelo medieval do Brasil e foi a primeira fortificação portuguesa aqui. O castelo foi construído no século XVI e o nome dado a ele era com intenção de homenagear o braço direito do então governador-general Thomé de Souza.

As ruínas do castelo ficam a 3km da vila e agora podem ser visitadas em forma de museu e são extremamente visitadas. Se você curte um rolê histórico e gosta de aproveitar a cultura local esse é um passeio indispensável no seu roteiro.

A vila onde se encontra a Praia do Forte é cheia de lojas repletas de lembrancinhas para quem quer agradar um amigo ou a família. Além de charmosa oferece vários bons restaurantes, bares para se comer e beber bem após um dia de sol. Para quem é fã da vida noturna vale a pena escolher os bares que ficam na Avenida ACM. Uma boa pedida é pedir as caipirinhas da região e tomar uma boa cerveja gelada para entrar no clima do verão do litoral. Ainda sim, se você preferir entrar no agito total existem várias baladas que valem a visita.

Outra dica boa é caminhar pela vila. Essa dica vale para qualquer pessoa de qualquer idade que gosta de conhecer melhor o lugar onde se hospeda ou passa férias. Seja para caminhar e aproveitar o clima rústico, seja para contemplar as estrelas, seja para curtir a calmaria, esse passeio é de graça e indicado para todas as idades. Quer um jeito melhor de encerrar as férias do que curtindo um clima desses na Bahia?

 

 

 

Praia do Forte: tudo o que você precisa saber antes de visitar
5 (100%) 3 votos

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *